Frankie nº 8 - The Americans

Publicada em 21:01 - 02/01/2015 por Zeca

Oi, eu sou o tuliofilho, aspirante a revisor aqui na InSUBs. Quando criança, eu gostava de tudo que envolvesse espionagem, e mais pra frente passei a gostar muito de dramas históricos. Então, bem no final de janeiro de 2013, fuçando a internet, me deparo com uma review de um site gringo sobre o mais novo drama do canal pago FX que contava a história de dois agentes do KGB infiltrados em solo americano durante a Guerra Fria, diferente de tudo que eu já havia visto deste gênero. Foi amor à primeira vista.

Em The Americans, Phillip e Elizabeth Jennings são um casal vivendo uma vida dupla: a primeira de uma típica família americana, com dois filhos de propaganda de margarina e uma casa no subúrbio de Washington, e a outra de espiões treinados para conseguir informações e realizar missões que coloquem seu país natal um passo à frente dos Estados Unidos. Em certos momentos, a espionagem se torna somente um pano de fundo, e é aí que a série se torna ainda mais interessante, onde eles precisam de alguma forma saber controlar os perigos de sua profissão e os problemas dentro de casa, mostrando as dificuldades de um casamento e também o fato de Elizabeth querer criar seus filhos com os ideais da Mãe Rússia, mas sem os revelar sua verdadeira identidade.

E se você ficou com o receio de ser apenas mais uma produção que exalta a pátria americana, suas conquistas e glórias, esse pré-conceito acaba logo no início do piloto. Os personagens principais são realmente “russos”, mostrando o outro lado da história, nos fazendo pensar quem foi realmente o mocinho e o vilão desta guerra. A série chega até a criticar presidentes e autoridades americanas da época, e possui também uma ambientação dos anos 80 quase que impecável, contribuindo para o clima de tensão que a série nos transmite a todo instante. Ela aborda, em muitos de seus plots, coisas que realmente aconteceram, trazendo mais suspense, e em uma época pré-internet e pré-celular, as coisas são feitas “à moda antiga”, tornando tudo ainda mais atraente.

A primeira temporada, para mim foi irretocável, e a segunda manteve a mesma qualidade do roteiro, ambas com 13 episódios cada. A série retorna com sua 3ª temporada agora no final de janeiro, àqueles que gostam do gênero e até os que não simpatizam, vale MUITO a pena conferir.

 


Outras postagens



Comente

Parceiros

Podcast

Facebook

InSUBs - Qualidade é InSUBstituível © 2007 - 2017 - Termos e condições de uso.